Skip to content

Valparaíso, 16/8/2012

agosto 17, 2012

por Luiza Baldan

Faz um mês que cortei o dedo e a cicatriz não me deixa esquecer. O risco da unha já subiu o suficiente para perceber o tempo que passou. Um mês em Valparaíso, ora inferno ora paraíso.

Preparo uma lista de músicas com a ajuda da maravilhosa dj Tati da Vila. Segundo ela, o brasileiro, quando estrangeiro, sempre vira dj, cozinheiro de feijoada e fazedor de caipirinha. Tirando a feijoada, vou fazer todo o resto numa festa organizada por amigos queridos que fiz nesta cidade, que nessas horas sempre é um paraíso. Tive a sorte de conhecer pessoas muito especiais de verdade que ficarão para sempre na minha vida. Então não me resta outra do que representar meu país em terras portenhas para além dos eventos olímpicos e do Botafogo.

 

 

 

Crédito: Ana Colla

Anúncios
One Comment leave one →
  1. agosto 19, 2012 7:12 am

    Nossa, adorei o post!
    Gostei tanto que até me tornarei um leitor assíduo.
    Também gostaria que você visitasse e seguisse o meu blog, para que eu pudesse lhe seguir de volta: http://taimelaine.wordpress.com/
    Bom trabalho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: