Skip to content

Valparaíso, 24/7/2012

julho 25, 2012

por Luiza Baldan

En la casa

 

 

 

 

Picnic de valpinos

 

 

 

 

Playa Ancha

 

 

 

Jesucristo. Estaba Alegre y de repente de Esperanza me fui a Los Placeres y desde allí a La Cárcel.

Em um sobe e desce alucinante, pude ver a cidade de Valparaíso mudar com a sutileza das avenidas e apresentar os mais diversos tipos arquitetônicos, históricos ou falso-históricos, adaptações e gambiarras. Uma grande malha de telhados em suas texturas e cores, como que se de uma grande favela se tratasse. Não digo isso em tom crítico pejorativo, mas valorizando a riqueza visual de casas que são reinventadas com os anos.

Muitas fachadas são revestidas com um material metálico, de latão, para proteger da chuva a estrutura interna de adobe. É bem interessante o processo de construção dessas casas, entre pés-direitos e diagonais, que as mantêm seguras em caso de temblores. O fato é que os revestimentos externos das casas são, em muitos casos, grandes focos refletores de luz. Preciso vê-las em maior número, mas suponho que influem diretamente na iluminação das casas vizinhas.

Tenho a sensação de que posso experimentar coisas que, não sei bem o porquê, nunca me permiti fazer, como ter aulas de piano ou de karatê. A cidade vai se desdobrando aos poucos como em um leque multicolorido, o que é bastante fascinante.

Acho que me pregaram uma peça logo na chegada para ver se me espabilaba.

 

Refletores

 

 

 

 

“Tugúrios” em Valpo

 

 

 

 

Caixas d’água / Mirantes

 

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: